Las

Cores: Nem só de preto, branco e fendi vive uma decoração!

04/06/2019

Por isso mesmo, hoje viemos trazer algumas dicas e inspirações para quem é simpatizante às cores!

Pode ser que você tenha alguma restrição, pois acha complicado achar o tom adequado ou a medida apropriada entre a neutralidade e a miscelania excessiva de cores.

Base neutra

Quando você tem uma base neutra, é como se apresentasse uma tela em branco, onde a liberdade para a escolha dos tons é muito maior! Nesses casos, é conveniente que os móveis e acessórios sejam as fontes de cor. Um tapete básico e parede de cimento queimado permitirão, por exemplo, que o sofá brilhe na companhia de almofadas coloridas.

Cartela de cores

E como escolher os tons que combinam entre si? Há várias opções que conhecidamente funcionam quando combinadas: cores primárias (vermelho, amarelo e azul), degradê de tons de uma mesma cor mãe (diferentes tons de azul, por exemplo), cores complementares (azul e laranja, vermelho e verde, amarelo e roxo)… Por ai vai.

Escolha da tonalidade

Eleger a intensidade das cores é outro item importante no momento de decorar. Se você quer cores mais vivas, invista na intensidade. O que pode ficar desagradável é misturar tons pasteis, com neon e vibrante, já que isso causa desconforto até mesmo para o olhar.

Aqui estão as principais cores e seus significados, para que você não erre na hora de escolher as melhores 

Preto:  definitivamente, o preto é a cor da elegância e da sofisticação. Atribuído à decoração, ele causa sensação de modernidade e mistério. Utilizado em ambientes mais formais.

Branco: a sensação purificadora trazida pelo branco é indiscutível. Por ser uma cor neutra, pode ser usada em qualquer um dos ambientes de uma casa, garantindo leveza.

Cinza: o cinza é uma cor coringa. Quando houver dúvidas sobre qual cor usar como complemento ou para sobressair os detalhes de determinado ambiente, o cinza é uma ótima pedida e combina com praticamente todas as cores. Sinônimo de elegância, sutileza, é perfeito para escritórios, salas de estar.

Amarelo: estimulante da inteligência e da comunicação. É ideal para ser usado em locais de convivência, como as salas e cozinhas, por exemplo. Inconscientemente, ele vai estimular o convívio entre as pessoas que frequentam o lugar, promovendo relações mais dinâmicas.

Verde: ambientes com a cor verde na composição transmitem tranquilidade e juventude. O verde é a cor da esperança, da natureza, sendo ideal para decorar espaços externos ou cômodos que buscam passar ar de frescor e serenidade.

Azul: ao mesmo tempo em que o azul carrega liberdade em seu significado, quando usado em tons mais escuros passa a ideia de conservadorismo. É predominantemente atrelado à tecnologia e ao progresso, sendo uma ótima cor para espaços vinculados ao trabalho.

TAGS: decor; decoracao; designdeinteriores; decoracaodeinteriores; cornaparede; pintura; pintaracasa; pontodastintas; suvinil;

Deixe seu comentário

Facebook Facebook Facebook
Las

juliane cardoso

Juliane Cardoso - Suelen Serafim

Projetos criativos ambientes planejados para refletir a alma de seus moradores. 

...

SulpisoKasar

Facebook

InatecGabriel Construções
EleganzaVitrolAmbience DecorAmbience DecorAmor e CarinhoPonto das TintasPonto das tintasVidraçaria Decor GlassFibra SulMorro Estevão Plantas OrnamentaisMarquesa HomeEkcel PiscinasQuinto ElementoEvisa
Juliane Cardoso 2014 © Todos os direitos reservados