Las

Como combinar piso com revestimento: desvende os segredos para criar ambientes únicos!

30/07/2019

Escolher e combinar piso com revestimentos para a casa é uma tarefa difícil e que gera muitas incertezas.

Hoje, os revestimentos trazem mais sensibilidade, mais cor e história à criação de seus produtos, resultando no encantamento na hora da compra do material, esse fator acaba se tornando um desafio, devido tantas opções de materiais com formatos e texturas diferentes.

Com a gama de produtos diferenciados do mercado e a alta definição dos desenhos, não só os básicos ganham destaque, mas cada vez mais os produtos decorados se encontram presentes na decoração.

Veja mais dicas que podem te ajudar: ideias de revestimentos para deixar o seu projeto moderno e prático.

Do chão à parede: como combinar piso com revestimento.

Combinando as cores

Seguindo padrões tradicionais, pode-se dizer, resumidamente, que as cores quentes remetem ao aconchego e à estabilidade. Já as cores frias, por suas propriedades calmantes, combinam com ambientes de relaxamento.

Revestimentos nos tons de vermelho, laranja, amarelo e marrom, ou seja, cores quentes são ótimas para ambientes com maior circulação de pessoas, como salas, cozinhas e ambientes comerciais.

Já em lugares muito pequeno acaba trazendo sensação de sufocamento quando há muitas pessoas no mesmo espaço.

Revestimentos com cores quentes tanto no chão quanto na parede ficam ótimos contrastando com revestimento claro. Essa combinação traz sensação de amplitude no espaço.

As cores frias, no entanto, servem melhor para ambientes como quartos e banheiros. Essas cores claras amplificam o espaço com a luz natural.

O branco passa a mensagem de higiene e pureza, clareia ambientes reduzidos ou com pouca iluminação. E o preto é mais recomendado para ambientes de grandes dimensões.

Dizer que o melhor seria que revestimentos de pisos e paredes seguissem um mesmo padrão não é o mesmo que dizer que isso seja uma regra. O mercado disponibiliza de muitos materiais diferentes e muitas vezes combinações inesperadas funcionam e deixam seu espaço simplesmente único. 

Além dos contrastes entre chão e parede, é possível combinar cores com acabamentos e texturas diferentes.

Peças lisas e brilhantes facilitam a limpeza e, após molhadas, secam mais rápido. Porém, áreas molhadas, como área externa, borda de piscina, banheiro, cozinha, área de serviço, pode haver risco de escorregamento, sendo os revestimentos rústicos, com granilha ou alto relevo, ideais para esse tipo de espaço.

Os revestimentos amadeirados trazem a sensação de conforto e são perfeitos para essa área da casa. Eles imitam perfeitamente a madeira com seus variados tons e a madeira combina tanto com revestimento ou piso claro quanto escuro.

Os revestimentos marmorizados, tanto acetinados quanto brilhantes são atemporais e combinam em qualquer espaço.

 

 

 

TAGS: decor; decorevestimento; revestimentos; porcelanato; marmorizado; amadeirado; banheiro; lavabo;

Facebook Facebook Facebook
Las

Maneiras de valorizar a área externa da sua casa

12/06/2019

Mesmo sendo um ambiente mais informal e alegre, é preciso cuidar com alguns detalhes importantes que podem garantir a durabilidade a vida útil dos itens escolhidos para decorar esse espaço. Confira as dicas de profissionais da área para quem não quer errar na escolha dos produtos.

 

Iluminação

É possível transformar ambientes de uma maneira incrível através da iluminação. Hoje o mercado traz uma gama de opções, com estilos e dimensões variadas. Os produtos vão desde os conhecidos espetos de jardim até luminárias mais sofisticadas. Por se tratar de itens que estarão expostos à alterações climáticas é preciso verificar o Índice de Proteção (IP) do produto. Alguns oferecem proteção contra exposição ao sol, vento, chuva e poeira. Caso a luminária não seja em alumínio, o ideal é escolher com uma boa pintura, como a epóxi, que oferece elevada resistência química e mecânica (impacto, corrosão, radiação U.V., etc). Além disso, hoje é possível encontrar projetores de médio e longo alcance, com baixíssimo consumo de energia e que ainda possibilitam a troca de cores. Essas características permitem infinitas possibilidades ao executar os projetos.

Tecidos

Os tecidos são um grande aliado na decoração de ambientes ao ar livre. A gramatura e a composição têxtil possuem grande influência na durabilidade de um tecido, bem como o tipo de tingimento ao qual ele foi submetido: Tecidos de fio tingido possuem durabilidade maior e tendem a desbotar menos. Já os com estampa digital também podem ser utilizados, mas possuem uma vida útil mais curta. Para deixar o espaço mais alegre, escolha de estampas tropicais, e o uso de tons de verde, azul e amarelo. ao local.

 

Mobiliário

Para espaços externos, uma dica é escolher móveis que componham o ambiente de forma acolhedora. Vale lembrar que é preciso estar atento aos materiais e especificações de cada um deles, garantindo assim a sua durabilidade. De acordo com ele, os materiais mais indicados nesses casos são alumínio, vidro ou fibras sintéticas de alto desempenho.

 

Proteção Solar

Nem só de futons e espreguiçadeiras vive uma área externa. É sempre muito importante pensar em proteção solar, existem inúmeras opções de toldos, ombrelones e persianas que cumprem esse papel: No caso das persianas, existem telas solares que permitem o contato externo mesmo abaixado, com alto grau de absorção de raios UV. Já os toldos podem ser equipados com sensores de vento e sol, que recolhem ou abrem automaticamente de acordo com as condições climáticas.

Piso

Os pisos são parte importante da ambientação externa. Pisos e Móveis, decks em madeira valorizam esteticamente os projetos e, além disso, ainda impactam diretamente no valor de revenda do imóvel futuramente. A aplicação da madeira nas áreas externas deve ser feita no contra piso e não na grama, pois esta pode reter umidade e diminuir a vida útil da matéria prima. A largura do deck pode variar, promovendo diferentes efeitos no projeto. Além disso, eles são ideais para o entorno de jacuzzis, piscinas e spas, pois oferecem grande resistência a alterações climáticas e também por não superaquecerem quando expostos ao sol. 

Cuidados importantes

Mesmo com tecidos específicos e materiais de alta durabilidade, é preciso cuidado constante na manutenção de ambientes externos. No caso de chuvas, é importante retirar o enchimento das almofadas para que sequem ao sol mesmo quando possuem capas de tecido impermeável. Já os toldos foram desenvolvidos para proteção solar e não para chuvas. Nestes casos devem ser recolhidos para preservar a integridade das peças. Se a tela do toldo molhar, é necessário projetá-la para que seque ao sol e evitar danos como mofo, entre outros.

 

TAGS: decor; decoraçao; decoracaodeinteriores; ambientesintegrados; varandas; varandasintegradas; areaexterna; jardim; paisag;

Facebook Facebook Facebook
Las

Piso vinílico: Vantagens, desvantagens

22/04/2019

O piso vinílico vem fazendo muito sucesso nas reformas de casas e apês hoje em dia, isso porque reúne inúmeras vantagens, além de ser um investimento bem econômico! Mas será que ele é o revestimento certo para o tipo de piso que você procura?

O que é piso vinílico?

O piso vinílico é um tipo de revestimento feito de resina de PVC, cargas minerais e outras substâncias plastificantes, podendo ser encontrado nas versões placa, manta ou régua. É um dos materiais mais bonitos, resistentes e que traz muito conforto ao espaço onde será instalado.

Outra qualidade é a facilidade de simular outros materiais, como a madeira, por exemplo, que é o modelo mais buscado do material.

Em quais ambientes pode aplicar piso vinílico?

Esse tipo de piso pode ser instalado em qualquer ambiente desde que seja interno e coberto, desde salas e quartos, a ambientes mais úmidos como banheiros e cozinhas.

Para cada tipo de ambiente existem linhas específicas, que atendem quesitos de baixa absorção de umidade e facilidade de limpeza.

Vantagens e desvantagens do piso vinílico

Como muitos outros materiais, o piso vinílico também deve ser colocado na balança com relação às suas qualidades e defeitos, e a partir disso você decide se é o melhor para o que você busca ou não:

 

Vantagens

  • Alto desempenho termoacústico, ou seja, auxilia no controle da temperatura interna do ambiente e ainda abafa sons, sejam vindos de fora ou evitando ecoar barulhos internos.
  • Não acumula poeira e é extremamente fácil de limpar, portanto é um material indicado para casas com alérgicos, crianças e animais.
  • Variedade de cores e modelos no mercado, desde temas mais infantis a diferentes tons de madeiras para combinar com variadas decorações. Inclusive existem modelos que imitam pedras naturais, como mármore.
  • Instalação muito rápida e prática com relação a pisos tradicionais. Dentre as técnicas de instalação estão clique, adesivo ou uso de cola, depende do modelo. Sendo assim, não é necessária nenhuma quebradeira para instalar.

Desvantagens

  • Não se dá com qualquer superfície, como um piso de madeira tradicional, por exemplo, pois pode deixar o piso vinílico com aspecto rugoso. Sendo assim, o piso deve ser liso, nivelado e revestido antes de aplicar o vinílico.
  • Pisos vinílicos não duram tanto tempo quanto os pisos de peças frias, portanto exigem troca com o tempo. Duram no máximo 15 anos.
  • Proibido para áreas externas, já que não têm resistência a umidade e exposição solar.

 

Principais diferenças entre piso vinílico e piso laminado

  • O piso vinílico é feito de PVC, já o laminado possui camadas de materiais derivados da madeira, em que somente a externa ganha a estampa decorativa e é colada nas demais abaixo.
  • Com relação ao nivelamento necessário do piso, o laminado sai ganhando pois é considerado piso flutuante, ou seja, o piso abaixo não precisa estar em perfeitas condições, pois não afeta no piso laminado.
  • Quanto ao abafamento de sons, o piso vinílico abafa muito melhor do que o laminado, o qual propaga sons facilmente.
  • O piso vinílico tem texturas mais antiderrapantes, enquanto que o piso laminado é mais liso e pode causar acidentes mais facilmente com crianças, idosos ou animais.
  • Quanto à absorção de umidade, o piso vinílico resiste mais a contato com água, pois no piso laminado existem camadas de madeira de verdade, e se não limpar logo a água que cair, pode absorver rapidamente. Mas lembrando que nenhum deles é indicado para áreas úmidas ou externas.
  • Quanto à limpeza, é mais difícil limpar piso laminado, exigindo materiais de cerdas suaves, sem causar ranhuras, e manutenção para um piso sempre limpo e bonito pode precisar de verniz.

Tipos de piso vinílico:

Piso vinílico em manta

O mais simples e barato dos modelos é o piso vinílico em forma de manta. Exige que o piso abaixo esteja bem liso e uniforme para evitar rugosidades e outros defeitos superficiais.

Funciona como um adesivo extenso aplicado por toda a superfície, se aderindo aos poucos pelo viso. Como tem um acabamento bem macio, pode riscar fácil por conta de coisas pontiagudas ou móveis por cima.

 

Piso vinílico em régua (autocolante ou encaixe)

Também tem o modelo de piso em forma de réguas flexíveis, que podem ser coladas diretamente no piso ou encaixadas entre si, fazendo um “click”. Tem um bom acabamento quanto a evitar furos e amassos no piso.

Dentre os dois, o de maior resistência e rigidez são as réguas de encaixe, além de quem essas dispensam processos de secagem nem corre risco de o piso descolar da base; a única necessidade é ser exatamente sob medida para não ficar “bambo” no piso.

Quanto a custos, as réguas de encaixe são mais caras do que as réguas adesivas.

 

Piso vinílico em placas

Este já é um modelo mais rígido do piso vinílico, mais resistente a furos e mantém o acabamento macio do material. São como peças soltas que se encaixam entre si.

Dependendo da estampa das peças, pode criar efeitos únicos de padrão decorativo. Se acontecer algo com o piso em determinada área, apenas a placa prejudicada pode ser trocada sem afetar as outras.

TAGS: decoracao; decor; revestimentos; pisos; decoracoes; pisosvinilicos; vilinico;

Facebook Facebook Facebook
Las

Tampos e Bancadas em porcelanato

27/11/2018

As bancadas em porcelanato estão com tudo na decoração. Já pensou poder usar peças de porcelanato para personalizar a sua bancada?

O uso dos porcelanatos de grande formato é uma tendência que veio para ficar, pois além de utilizar as peças como revestimentos para pisos e paredes a novidade é utilizá-lo em móveis. Os formatos grandes possibilitam o uso em tampos de cozinhas, banheiros, churrasqueiras, lavanderias sem a necessidade de muitas juntas, proporcionando um visual bem clean ao tampo e diminuindo o acúmulo de sujeira nos rejuntes.

Além de serem perfeitos para uso em áreas molhadas, pois a absorção de água é quase nula.

 

Com a tecnologia da impressão digital há uma enorme variedade de acabamentos muito fiel à realidade como mármores, pedras naturais, madeiras, concreto, etc…

Assim a criatividade pode rolar solta para que o ambiente tenha o estilo que você deseja.

Para todos os estilos:

-Se você deseja um ambiente rústico, opte pelos porcelanatos amadeirados.

-Se a ideia é um ambiente minimalista, opte por aqueles mais neutros como Mármore Calacata, Carrara…

-Para um ambiente clássico e elegante, sem dúvida os revestimentos marmorizados em tons escuros contrastando com metais dourados são uma tendência!

-Para um estilo industrial você pode compor um porcelanato cimentício.

E possivel ousar ainda mais e utilizar o porcelanato como tampo de mesa ou revestindo moveis.

-Outra dica também é utilizar o mesmo padrão de revestimento usado no piso e parede para combinar com tampos e móveis, proporcionando um visual bem clean e minimalista.

TAGS: ;

Facebook Facebook Facebook
Las

Escolha a tinta certa para a pintura: tipo, acabamento, rendimento e cor.

29/10/2018

Para saber qual é a tinta certa, você deve olhar primeiro se o local tem ou não contato com água (banheiro, cozinha e lavanderia precisam de tinta resistente à água) e qual é o tipo de superfície (alvenaria, madeira, metal);

Para pintura em área interna a seca, você pode usar látex.

Para pintura em área externa ou áreas molhadas (banheiro e cozinha), você pode usar tinta acrílica.

Para áreas molhadas, também é possível usar tinta epóxi, que pode ser aplicada em paredes, pisos, azulejos, ferro e aço, box, piscinas e caixas-d água. A epóxi é a mais cara que a acrílica, mas aguenta limpeza pesada e dura mais.

Independente da área, se a superfície for madeira ou metal, você pode aplicar tinta esmalte.

Sobre acabamento:

Existem três tipos de brilho: fosco, acetinado (também chamado de semi-brilho) e brilhante. Eles influenciam na aparência e durabilidade. Quando mais brilho tiver a tinta, mais durável será porque contêm mais resina. Por outro lado, quanto mais brilhante é a tinta, mais aparecem às imperfeições da parede e mais difícil é a remoção e repintura. Quanto mais brilho, maior a durabilidade e o preço.

 

Sobre o rendimento:

Existem três tipos: premium (alto rendimento), standard (rendimento médio) e econômica (rendimento baixo). Quanto mais rende, maior o preço. Mas na verdade, você vai precisar aplicar menos demãos e justamente por serem menos camadas, a pintura vai ficar mais bonita.

Sobre a escolha da cor:

Experimente primeiro. Compre latas pequenas para teste e faça quadrados de várias cores na parede para escolher e que mais te agrada. E só compre a quantidade total depois que tiver certeza do tom que escolheu.

TAGS: ;

Facebook Facebook Facebook
Las

Piso laminado ou vinílico: veja qual é a melhor opção para a sua casa

26/09/2018

Na hora de fazer a escolha do piso, é preciso pensar em alguns fatores para optar pelo tipo ideal para os cômodos da sua casa. E, além da funcionalidade, é claro que deve-se levar em consideração a beleza e o estilo que o ambiente deve incorporar.

Os pisos laminados e vinílicos têm feito um sucesso significativo entre os brasileiros. Eles oferecerem diversas vantagens, além de garantirem beleza ao ambiente.

Fabricação

Os pisos laminados são fabricados a partir de lâminas com microfibras de madeira. Já os vinílicos são feitos de cloreto de vinila, ou o famoso PVC, e podem ser comprados em forma de placas, réguas ou mantas.

Instalação

O piso laminado pode ser instalado com cola especial ou simplesmente encaixado. Ele demanda um contrapiso seco, limpo e nivelado e aceita variações de até 3mm a cada 1,5m.

Desde que a superfície em questão receba uma manta regularizadora (feita de polietileno), é possível instalá-lo sobre pedra, concreto ou cerâmica. Além disso, é importante ressaltar que deve haver um espaço de dilatação entre as bordas e a parede.

Já os pisos vinílicos só apresentam boa performance se instalados em um contrapiso seco e rigorosamente nivelado. Caso a superfície não esteja nessas condições, é possível aplicar uma massa niveladora composta por cola e cimento e criar a superfície ideal para a instalação.

Limpeza e manutenção

Recomenda-se utilizar aspirador de pó e vassouras com cerdas macias para realizar a limpeza dos pisos laminados. Como esse tipo de piso não é resistente a quantidade abundante de água, o ideal é utilizar um pano úmido (é imprescindível torcê-lo o máximo possível) e um pouco de sabão neutro, caso queira fazer uma limpeza mais pesada.

Os vinílicos também não resistem à exposição constante à água (que pode acumular entre as réguas), mas são um pouco mais resistentes do que os laminados. Dessa maneira, é possível utilizar um pano úmido com sabão neutro sem muitas preocupações.

TAGS: ;

Facebook Facebook Facebook
Las

A TENDÊNCIA DO MARMORIZADO NA DECORAÇÃO

19/07/2018

Soluções criativas para substituir o mármore invadem ambientes arrojados

O mármore ainda é um dos materiais nobres mais desejado para revestimentos de pisos. A textura da pedra dá refinamento aos ambientes como sala e hall de entrada.

Uma alternativa para criar um efeito similar ao piso é optar pelo falso mármore. O papel de parede com estampa marmorizada em diferentes tonalidades vem ganhando destaque no décor inglês. A inovação garante um resultado clássico com custo reduzido.

Porcelanato Eliane com efeito de mármore- Sulpiso

 

TAGS: ;

Facebook Facebook Facebook
Las

TENDÊNCIA: REVESTIMENTOS HEXAGONAIS!

04/07/2018

Todo mundo já viu que o revestimento no estilo ‘metrô’ veio com tudo, e ainda vai ficar em alta por um bom tempo. Mas agora nós apostamos em uma nova tendência em revestimentos e pisos: os hexagonais!
Com eles, é possível utilizar um mesmo revestimento, com cores diferentes, ou até mesclar formatos variados, brincando com as formas e trazendo personalidade e estilo pros ambientes. Além disso, são encontrados em diversos materiais, desde porcelanatos em tamanhos menores e médios, mas também podem ser vistos em mármore e até concreto. Também podemos destacar que eles não precisam ser usados apenas em áreas molhadas, como cozinhas e banheiros, mas também aparecem muito em churrasqueiras, nas salas, ambientes externos e até no piso!

 Carbone Deluxe Nude- Decortiles- Sulpiso

Carbone Deluxe Petroleo- Decortiles- Sulpiso

Carbone Deluxe-Decortiles 

Revestimento Sixties Gold BR- Decortiles- Sulpiso

 

 

TAGS: ;

Facebook Facebook Facebook
Las

O piso vinílico é umas das novas tendências do mercado de revestimento

02/05/2018

No setor de materiais de construção, obras e reformas, os pisos vinílicos são as novas apostas e se destacam no mercado de revestimentos.

O piso vinílico atrai o consumidor por ser extremamente resistente e ecologicamente correto, uma vez que o produto é produzido com materiais recicláveis. 



O piso vinílico é feito de PVC, apesar de estar entre os três plásticos mais produzidos no mundo, é o plástico que menos aparece no lixo urbano. Isso ocorre porque 64% dos produtos de PVC são usados em aplicações de longa duração, com vida útil superior a 15 anos, como tubos, conexões, pisos, esquadrias, janelas e portas. Muitos dos produtos ultrapassando os 50 anos de uso. O material não mancha, não deforma, é antiderrapante e antialérgico, não faz barulho ao andar, pode ser encontrado em diversas cores e formatos, além de ser muito resistente e possuir alta durabilidade. A instalação é fácil e rápida, feita somente por encaixe, no entanto, a superfície precisa estar uniforme e limpa. A limpeza também é simples, é feita apenas com pano úmido, um dos benefícios mais satisfatórios para o consumidor. O piso vinílico também representa uma alta economia para a obra.

Ele tem se tornado o preferido das obras modernas e rápidas. O revestimento garante um acabamento de qualidade para as construções, além de ser uma opção prática e versátil. Especialistas de decoração escolhem esse piso, em especial, quando o desafio é fazer uma reforma rápida e sem quebrar o chão. Outra vantagem que os profissionais da área destacam é que o piso vinílico possui ótimo desempenho termoacústico, ou seja, o revestimento minimiza os barulhos desagradáveis e também torna a temperatura do ambiente confortável, seja no verão ou no inverno. Além disso, o piso vinílico tende a não acumula poeira.

 

TAGS: ;

Facebook Facebook Facebook
Las

Cozinha americana: dicas para decorar!

13/12/2017

 

Com os espaços cada vez menores, a cozinha americana vem como solução para criar amplitude e dar um toque de modernidade.

A integração entre a cozinha e a sala de jantar já é querida dos projetos de arquitetura e design de interiores. Garantindo uma sensação de ampliação do espaço e fazendo da cozinha um ambiente mais acolhedor, a cozinha americana é uma opção moderna e de fácil investimento. 

Os móveis, utensílios, eletrodomésticos e até mesmo os objetos decorativos devem ganhar uma atenção especial. Como a intenção é que de fato se repare na cozinha e que esse ambiente seja parte da decoração como um todo, é preciso que o que esteja exposto seja bonito, esteja limpo e organizado. Não adianta planejar uma cozinha americana que deixe o ambiente poluído com bagunça!

Em casas ou apartamentos pequenos, a cozinha americana já ganha pontos por permitir ampliar o espaço e criar um conforto visual maior. Para potencializar a sensação de amplitude e de luminosidade, aposte nas cores claras em paredes, pisos e na mesa ou bancada que irá servir para separar os ambientes. Se quiser colorir o ambiente, deixe as cores para os detalhes e acessórios.

O ideal é equilibrar a decoração com o estilo de vida dos moradores, criando um projeto que seja bonito e também possível dentro da sua realidade.

 

TAGS: cozinha; cozinhaamericana; decoracaodecozinha; marcenaria; moveisobmedida; eleganza;

Facebook Facebook Facebook
Las

O Quartzo Stone é um Silestone

22/11/2017

O Silestone, como esse material é mais conhecido, é uma marca registrada e, assim como outras marcas pioneiras, o nome é usado para descrever o material ao qual ele se refere, tipo Omo, Cotonete, Bombril… Mas existem vários similares com as mesmas propriedades e pequenas diferenças na composição e nas cores. O Quartzo Stone é um deles.

O Quartzo Stone é um material sintético (composto de 94% de quartzo natural), que tem como grande vantagem a alta resistência + as cores uniformes. É ideal para ambientes internos, como bancadas de cozinhas/churrasqueiras, banheiros/lavabos, revestimentos de pisos, paredes e escadas.

 

VANTAGENS

·         Resistente.

·         Não risca e não mancha, é resistente a manchas de vinho, extrato de tomate, açaí, produtos que contém corantes em geral.

·         Diversas cores e aparência uniforme.

·         Preço inferior ao Silestone ,cerca de 50% mais barato.

DESVANTAGENS

·         Não é aconselhável colocar panelas quentes recém tiradas do fogo (ou a temperaturas superiores a 250º graus) sobre o material, deve-se utilizar uma base para esta finalidade.

·         É contra indicado para uso em áreas externas devido aos raios Ultra Violeta.

 

ACABAMENTOS

O Quartzo Stone é polido (com brilho). Prefira o acabamento reto ou meia-esquadria para as bordas. Quanto maior o tamanho da placa, mais bonito fica.

TAGS: quartzo; pedras; bancadas; areamolhada; decor; decoracao; interiores;

Facebook Facebook Facebook
Las

Mármore travertino traz beleza e sofisticação para os ambientes

05/10/2017

Ele é o resultado de reações físico-químicas sofridas por outras rochas e também pela ação de águas termais, e é uma das pedras mais utilizadas em construção e revestimento no Brasil.

O mármore é uma pedra natural muito utilizada nos projetos residenciais para revestimento de paredes, pisos, lavatórios, bancadas e outros objetos decorativos. Existem vários tipos de mármore, porém o mais usado é o Travertino, uma rocha calcária natural de cor bege que é reconhecida pelos pequenos buracos presentes na pedra que lembram pequenos ramos e folhas.

O travertino reveste monumentos importantes da história, como a Basílica de São Pedro, o Coliseu e as pirâmides do Egito, por exemplo.

Principais tipos de mármore travertino

O mármore travertino possui variações devido à região em que se formaram e das diferenças de formação que possuem. Existem diversos tipos de mármore travertino e os italianos, geralmente, são os mais conhecidos, como: Romano ou Clássico, Navona, Turco, Toscano, Itamarati, Tivoli, Gold, Silver e Negro.

Mármore travertino nacional

 O Bege Bahia, também conhecido como travertino Nacional, tem os veios mais escuros, mais arredondados e mais manchados. Esse modelo, como o nome já diz, vem direto das pedreiras.

 

Antes de definir onde vai colocar a rocha e qual modelo será escolhido, é preciso considerar as características do acabamento. Existem quatro tipos de acabamento principais, confira as vantagens e desvantagens de cada um:

 Bruto ou natural

O tipo Bruto, como o nome já diz, é a pedra direto da natureza, com acabamento opaco e veios aparentes.

 

Resignado ou estucado

O acabamento resignado ou estucado é feito com a aplicação de uma resina na pedra. A resina tem a mesma cor do mármore e cobre os poros e buracos existentes na superfície. Após a aplicação da resina, a superfície fica lisa. Assim, essa é uma das formas mais utilizadas do mármore travertino e pode revestir diversos ambientes.

Levigado

O levigado tem um aspecto opaco e é lixado até que a superfície do mármore fique lisa, facilitando a limpeza e a manutenção, ao mesmo tempo em que mantém a cor natural. Esse acabamento é liso e opaco e pode ser usado em todos os tipos de ambientes internos ou externos.

Polido

O acabamento polido tem um aspecto liso e com brilho. Pode ser usado em pisos e paredes, mas não é recomendado para pisos externos devido à baixa aderência.

TAGS: decor; rebaixoitaliano; pedras; silestone; granito; marmore; bellapietra; travertino;

Facebook Facebook Facebook
Las

PORCELANATO LÍQUIDO

19/09/2017

A MAIS NOVA TENDÊNCIA

 

O porcelanato líquido vem conquistando um espaço cada vez maior nos projetos arquitetônicos e de decoração brasileiros. Suas duas principais características são o altíssimo grau de brilho e a ausência de emendas, o que resulta em um acabamento perfeitamente liso. Normalmente, esse tipo de piso era utilizado em ambientes públicos, institucionais e comerciais. Será que ele ganhará vez nos espaços residenciais? Vamos saber como funciona esse sistema e as vantagens de utilizá-lo?!

O porcelanato líquido tem a beleza do granito ou do mármore, variedade nas cores, não tem emendas ou fissuras. Além disso, é muito resistente e de fácil manutenção. É um piso revestido, com uma tintura à base de um plástico termofixo, que endurece quando misturado com outros agentes químicos.

O interessante é que esse tipo de piso pode ser aplicado sobre superfícies que não estejam completamente lisas, podendo ser usado sobre contra pisos, pisos frios ou de madeira. Sendo assim, é capaz de revitalizar o piso antigo da sua casa, com rapidez, praticidade e sem sujeira. Não seria ideal pra sua obra?

Por não apresentar vincos ou juntas é um piso que não oferece acúmulo de bactérias ou fungos, gerando leveza ao ambiente no qual é aplicado e dando uma sensação de conforto e amplitude. Essas são características que vem sendo valorizadas para a escolha em casas e apartamentos.

 

Qual a diferença entre porcelanato comum e líquido?

 

O porcelanato comum é feito de placas cerâmicas sólidas, aplicadas lado a lado com rejunte, ou seja, há uma separação entre elas. Já o porcelanato líquido é uma resina uniforme e impermeável, que abrange toda a área aplicável, sem rejuntes, separações ou emendas.

Durabilidade e manutenção do porcelanato líquido

O porcelanato líquido é um material altamente resistente para ter em qualquer ambiente residencial. A limpeza do piso deve ser feita apenas com água e sabão neutro e a vantagem é que, a ausência de rejunte reduz a sujeira que se acumularia em um porcelanato comum.

TAGS: porcelanato; piso; decoracao; ambientesdecorado; pedras; revestimentos; design;

Facebook Facebook Facebook
Las

Confira dicas para usar pedras como revestimento

26/07/2017

As pedras agregam beleza e praticidade aos projetos
 

Duradouras e bonitas, as pedras são admiradas e utilizadas pelo homem de diversas formas. Além de valorizar a construção, as pedras contribuem com a função estética e a praticidade, mas requerem profissionais especializados para sua aplicação.

Dentro e fora
Embora tenham um alto custo de instalação, as pedras trazem a praticidade da pouca manutenção e podem ser usadas tanto em ambientes internos quanto nos externos, sendo que para fora de casa é aconselhável aplicar um produto impermeabilizante para garantir a beleza e a qualidade do material.

Em ambientes internos elas trazem como vantagens o fato de serem resistentes e não escorregarem, quando usadas em pisos.

Variedade
Diversas pedras podem ser usadas na decoração, como mármore, granito, ardósia, seixos, pedra madeira, pedra portuguesa, caxambu, miracema, etc, Sendo que podem ser utilizadas com acabamentos polido, fosco, entre outras e em diferentes formatos, de acordo com a necessidade e a característica do projeto.

Manutenção

O mármore é um tipo de pedra mais delicada, por isso, apenas um pano úmido resolve sua higienização e os produtos de limpeza, em especial os mais abrasivos, devem ser descartados, pois podem manchar e corroer a superfície da pedra.

TAGS: pedras; porcelanato; silestone; revestimentos; bellapietra;

Facebook Facebook Facebook
Las

Ladrilho Hidráulico para dar um “up” na decoração

22/06/2017

 

Ladrilho hidráulico ou conhecido também como piso hidráulico é um revestimento artesanal feito com cimento que pode ser utilizado em paredes ou pisos. Possuem alta resistência e podem ser aplicados em ambientes externos e internos. Os ladrilhos foram apresentados como uma alternativa para o mármore que é um material com alto custo.

Antes da utilização dos ladrilhos outros revestimentos eram utilizados como, por exemplo, os revestimentos em madeira, piso de madeira natural, taco, piso pronto, piso de demolição e porcelanato de madeira, porém o ladrilho pode ser um grande negócio por conta das suas principais características:

As principais características desse revestimento:

– Pode se utilizar diversas cores e desenhos, o que possibilita combinar com todo tipo decoração.

– A manutenção desse tipo de revestimento é pouca. Ele não exige muito muitos cuidados, apenas lavar com água e sabão.

– O ladrilho não sofre muita dilatação e por isso não é necessário o rejunte.

-São bastante resistentes ao uso e ao tempo.

Um dos ambientes que são ótimas opções para serem utilizados os ladrilhos hidráulicos é o banheiro e a cozinha. Ambos os ambientes são lugares com maior umidade e que sofrem com a ação do tempo e dos produtos de limpeza, por isso são ideias para serem revestidos com esse material mais resistente.

Coleção Mandarim da Decortiles- Sulpiso

Ladrilho Casablanca- Ceusa- Sulpiso

Ladrilho Decortiles- Sulpiso

Ladrilho Decortiles-Sulpiso-

Ladrilho Patchwork Decortiles-Sulpiso

Ladrilho Portinari - Sulpiso-

Ladrilho Portinari- Sulpiso

Ladrilho Rio- Ceusa- Sulpiso

Linha Twenty da Decortiles- Sulpiso

 

TAGS: ladrilho; decoracaocomladrilho; decoracao; porcelanato; ceusa; portinari; eliane; decortilles; sulpiso;

Facebook Facebook Facebook
Las

Revestimentos cerâmicos: o que esperar de 2017

06/06/2017

Banheiro

Os próximos anos serão marcados pelo retorno às texturas orgânicas e naturais e também pela busca de praticidade e funcionalidade. Assim, quando se trata de um projeto de banheiro, a direção será: cores super clean, linhas sem costura e arranjo prático e simples de espaços, mas com a pitada de aconchego orgânica e elegância. Então deixe sua imaginação e criatividade fluxo e transformar a funcionalidade do banheiro em uma peça de arte.

 

Cozinhas e área de serviço

Uma das tendências para o próximo ano é o uso de revestimentos com padrões geométricos e gráficos, que permitem brincar com cores e formas. Cozinhas e áreas de serviço se beneficiam disso ao ganhar pisos decorados que trazem status a esses espaços que acabam sendo deixados por último na decoração.

Look Blue Decor AC 30x90cm - Eliane Revestimentos- Sulpiso

Number Black BR 45x90cm - Eliane Revestimentos -Sulpiso

Porcelanato Canela  Ref 8346- Ceusa- Sulpiso

Porcelanato Filetado Ref 8186- Ceusa- Sulpiso

Porcelanato Filetado Stone Ref 8198- Ceusa- Sulpiso

 

TAGS: revestimentos; novidades; pisos; porcelanatos; decor; decoracao; sulpiso; banheiros; lavanderias; ; cozinhas;

Facebook Facebook Facebook
Las

Piso Vinílico: Uma das Melhores Opções como Revestimento

24/05/2017

Quando chega a hora de escolher e colocar os pisos da reforma ou construção de uma residência as dúvidas de como escolher o melhore revestimento aparecem. Há diversas opões de pisos para os ambientes de uma casa. No mercado, há muitos estilos, texturas, materiais e valores diferentes. A escolha do piso ideal vai depender do seu orçamento, ambiente em que o piso será aplicado e orçamento disponível. O piso vinílico pode ser uma ótima opção em diversos aspectos.

O piso vinílico imita o aspecto da madeira, é perfeito para quem gosta dessa linha de estilo nos pisos e não dispõe de um orçamento alto. Esse tipo de piso pode ser aplicado em diversos ambientes, como cozinhas, quartos, sala de estar e salas de jantar. Locais com muita umidade como o banheiro deve ser evitado esse tipo de piso, pois ele não possui a resistência adequada.

O piso vinílico é um revestimento antialérgico, não mancha, é bastante resistente, com durabilidade alta e é perfeito para apartamentos pois faz pouco barulho ao caminhar nele.  Diferentemente do piso de madeira natural, não é necessário produtos específicos para sua manutenção e limpeza. Você pode passar apenas um pano úmido e um produto de sua preferência.

O piso vinílico possui um custo bastante acessível em comparação com outros revestimentos. Esse tipo de piso não é recomendado para áreas externas ou ambientes úmidos como o banheiro. O piso vinílico não possui resistência para grandes alterações de temperatura nem para umidade. Outro cuidado que vale ressaltar, é evitar o contato com objetos pontiagudos para não marcar o piso.

TAGS: pisovinilico; revestimentos; ; sulpiso;

Facebook Facebook Facebook
Las

Qual o local ideal para instalar grama sintética?

19/05/2017

Como você vai descobrir, a grande vantagem da grama sintética é que ela pode ser instalada em praticamente qualquer lugar. Os tapetes de grama sintética são fáceis de instalar e altamente duráveis, podendo ser inserido tanto em ambientes externos quanto em internos, ou seja, a grama não precisa mais ficar apenas no jardim, você pode levá-la até mesmo para dentro de casa!

Veja só sugestões de como instalar a sua grama sintética e dicas de lugares perfeitos!

INSTALAÇÃO

Se você está definindo o local onde vai instalar o seu gramado artificial, temos algumas orientações gerais que podem te ajudar a acabar com a dúvida. Você sabia, por exemplo, que a grama sintética pode ser colocada sobre superfícies irregulares?

Sim, você pode colocar a grama em terrenos íngremes, tortuosos e com obstáculos (como árvores e canteiros, por exemplo). Tudo o que você precisa é de uma base de instalação seca, limpa e livre de vegetação; depois, se necessário, é só fazer os recortes nos tapetes para encaixar no espaço disponível.

Além disso, o ideal é que a grama sintética seja instalada em cima de pisos como:

-concreto

-contrapiso

-piso asfáltico

-cerâmica

-pedra lisa

 

Mas o melhor de tudo, além do visual lindo que esses tapetes conferem a qualquer ambiente, é que você não precisará se preocupar com a sua manutenção! A grama sintética é produzida com material super-resistente, que não degrada com as variações de temperatura, chuva ou sol, e também não necessita da aplicação de produtos químicos.

Onde posso instalar?

Agora que você já sabe que existe um mundo além do jardim para colocar o seu gramado sintético e que ele é superfácil de instalar, que tal algumas dicas de decoração para qualquer tipo de espaço ficar ainda mais especial com um toque verde?

Veja algumas sugestões:

 

Sacada

Com algumas cadeiras confortáveis e um tapete de grama sintética, você consegue criar no seu quintal ou sacada um ambiente bonito e relaxante tanto para sentar quanto colocar a leitura em dia ou mesmo descansar após um dia cansativo.

Playground

O lugar de brincadeiras das crianças pode ficar ainda mais divertido e seguro quando há uma grama verdinha, macia e antiderrapante para elas correrem e brincarem com os amiguinhos – e sem deixar os papais preocupados!

 

 

 

 

TAGS: gramasintetica; gramapermanente; grama; contrucao; jardim; decoracao; grabrielconstrucoes;

Facebook Facebook Facebook
Las

Novidades em Revestimentos

27/04/2017

Todos os anos novas tendências chegam ao mercado, desde produtos de moda até itens de decoração. O segmento de arquitetura e decoração tem grande destaque para tendências de pisos e revestimentos. Separamos algumas novidades para vocês:

Movimento
Revestimentos que apresentem texturas que remetem a ondas e movimentos vão vir com tudo agora em 2017.

A linha Umber, da Ceusa, por exemplo, traz uma composição com esmalte branco e uma impressão de sombra que amplia a sensação de profundidade do relevo. Aliás, a brincadeira entre luz e sombra utilizada para dar profundidade em diferentes relevos são destaque este ano.

Catavento-Umber da Ceusa- SULPISO

Formas geométricas
As formas geométricas nunca saem dos holofotes, mas este ano, os quadrados e retângulos saem do foco para dar vez aos hexágonos. Em diferentes texturas e acabamentos, essa forma geométrica é destaque, combinando muito bem com desenhos que parecem pintados à mão, por exemplo.

Revestimento Decortiles, Look Blue da Eliane- SULPISO

 

TAGS: revestimentos; novidades; pisos; porcelanatos; decor; decoracao; sulpiso;

Facebook Facebook Facebook
Las

BANCADAS DE PORCELANATO

18/04/2017

Quando se pensa em bancada, é comum que se pense na resistência do granito ou então na beleza das bancadas de silestone ou corian, que são lisas e homogêneas. As bancadas de porcelanato agregam as melhores características desses dois materiais, e sem o custo tão alto das pedras industrializadas.

Normalmente usado como revestimento de pisos, o porcelanato é um tipo de cerâmica mais resistente, pois é fabricado com tecnologia avançada que lhe garante maior impermeabilidade e durabilidade. Sua versatilidade de cores é ainda mais uma vantagem. Outro recurso criativo que pode ser utilizado nas bancadas de porcelanato é algo que se costuma fazer nas bancadas de pedra, que é moldar a cuba no mesmo material.

Os porcelanatos diferem entre si quanto ao acabamento, com o sem brilho; quanto ao tipo de borda, acabamento reto ou curvo; e quanto aos tratamentos que recebem. Existem processos que protegem o material contra riscos ou contra manchas, por exemplo. Para serem usados em bancadas de cozinha, é importante que o porcelanato seja de boa qualidade, para resistirem a impactos constantes e altas temperaturas. Isso faz com que seu custo não seja dos menores, porém ainda assim a relação custo-benefício continua satisfatória.

A execução das bancadas em porcelanato é feita do mesmo jeito que se faz com as bancadas de pedra, porém é um pouco mais fácil por ser um material mais leve. São feitas chapas de grandes dimensões, que são cortadas e coladas com massa plástica. A bancada fica como uma peça praticamente única, com juntas apenas nos encontros entre as peças. Se o acabamento for bem feito, com polimento, até essas juntas ficam imperceptíveis.

TAGS: bancadasemporcelanato; porcelanato; banheiros; cozinhas; decor; bellapietra;

Facebook Facebook Facebook
Las

O quartzo pode ser uma alternativa higiênica ao mármore e até à madeira.

18/10/2016

As superfícies de quartzo não são porosas como o mármore e o granito, por exemplo. Portanto, não absorvem sujeira e são uma alternativa higiênica.

Na cozinha, por exemplo, a higiene também precisa determinar a decisão. O mármore e o granito são utilizadas em pias e bancadas, mas não são os materiais mais indicados para tais aplicações. Por serem superfícies porosas, absorvem substâncias, e sujeira. A alternativa, nesse caso, pode ser as superfícies de quartzo. Basta limpá-las com um pano úmido, com uma espátula, no caso de manchas difíceis, ou produtos específicos.

E no que diz respeito à decoração, o resultado é o mesmo.

O material é ideal para diferentes aplicações em interiores: bancadas de cozinha e banheiros, balcões, pisos e revestimentos de paredes. As superfícies de quartzo (composto por cerca de 93% de quartzo), por exemplo, estão aptas a substituir madeira,mármore e granito. Elas podem ser colocadas em pisos, paredes, bancadas e cubas.

Projeto executado por Bella Pietra

Para dar forma à superfície, o quartzo é recolhido e submetido a um processo no qual é transformado em pó. Depois, esse pó é misturado a pigmentos e polímeros para adquirir consistência. Em seguida, a massa uniforme é disposta no formato de uma placa que passa por um processo de aquecimento e resfriamento. E após passar por testes de qualidade, está apta a ser vendida.

 Projeto executado por Bella Pietra

A durabilidade do quartzo também é uma vantagem com relação aos demais materiais.

Em contrapartida, o quartzo pode limitar a aplicação. O produto não pode ser usado em áreas externas porque não tem proteção UV (radiação ultravioleta. E não apenas por esse motivo, já que o material  é mais caro que o mármore, a madeira ou o granito.

Na hora de avaliar qual produto usar em casa, faça uma lista de prós e contras e faça a escolha mais adequada.

 Projeto executado por Bella Pietra

 

TAGS: quartzo,; revestimentos,; bellapietra,; decor,; ;

Facebook Facebook Facebook
Las

Ladrilhos hidráulicos na decoração de ambientes

18/09/2015

   O ladrilho hidráulico é um tipo de revestimento que voltou a ser febre na área de decoração, pois reúne beleza e versatilidade

Coleção Lisboa - Portinari - Revestimento Ladrilho Hidráulico - 20x20cm

 

   Os ladrilhos estão em alta, cobrindo paredes, pisos e até móveis, tanto em áreas internas quanto externas. Esses revestimentos podem ser utilizados como elemento decorativo em cozinhas e áreas gourmet, podendo até ser aplicados em local de uma circulação maior de pessoas. 

Cozinha sofisticada com revestimento em ladrilho hidráulico, obtendo armonia na composição do ambiente.

 

   Mas, o que torna esse revestimento tão interessante é a infinidade de estilos que ele proporcionar no espaço devido seus inúmeros modelos de desenhos e cores que pode ser aplicada em sua superfície. Vão desde as peças minimalistas em branco e preto até aquelas geométricas e florais.

Ladrilhos hidráulicos sempre será uma boa opção para compor o ambiente.

 

   É uma ótima opção para quem não tem medo de ousar na decoração. Mas a versatilidade do material não para por aí, pois ele pode criar combinações diversas. 


A seguir, algumas opções  de lindos ladrilhos da  SULPISO em Içara - SC!

 

Coleção Lisboa - Portinari - Você encontra na SULPISO!! 

 

Coleção Kit Grafismo - Portinari - Peças 20 x20 cm - Coleção exposta na SULPISO

 

Coleção Lisboa. Revestimento Cerâmico Coimbra Kit - Portinari

 

TAGS: #ladrilhoshidraulicos; #emalta; #novidadenasulpiso; #decor; #loveit; #revestimentos;

Facebook Facebook Facebook
Las

Dicas para a escolha do tapete

24/02/2015

  Os tapetes combinam com todos os tipos de pisos, exceto com carpete. É possível utilizar mais de um tapete no mesmo ambiente, com estampas diferentes, mas sempre combinando as cores entre eles (caso uma das opções seja estampada, que a outra seja mais discreta). Outro detalhes importante, neste caso, é que as peças tenham a mesma graduação de tons do restante da decoração.
   Confira abaixo algumas dicas gerais sobre tamanho, estilos e combinações:
 

  • Tamanho: é determinado pelo tamanho do ambiente, devendo ser proporcional;

  • Posição: o tapete deve ficar com as pontas embaixo do sofá para não dar a impressão de que foi comprado no tamanho errado. Desta maneira ele fica fixo, evitando possíveis acidentes, e integra os objetos que estão sobre ou perto dele, como o(s) sofá(s) e a(s) cadeira(s). Em alguns casos é possível não optar por esta "regra", dependendo do formato / tamanho do tapete e do estilo da decoração (sempre é importante analisar qual o efeito desejado e considerar o espaço e seus elementos como um todo na composição);

  • Função: os tapetes integram os demais elementos do espaço (sofá, cadeira, mesas de centro, de canto, ...), trazendo conforto para quem usa o ambiente. Além disso, são eficazes quando se trata de acústica, melhorando a distribuição do som no ambiente (neste caso, opte por modelos mais espessos).

 
   Dúvidas Frequentes

  • Quando escolher/comprar o tapete? Para combinar com a sua decoração, deixe para escolhê-lo por último. Se o sofá for colorido ou estampado, prefira peças neutras e lisas, e vice-versa;

  • Já tenho um tapete: como combiná-lo com minha decoração? Se você tiver um tapete de estimação ou obra de arte, o projeto poderá começar a partir dele para integrá-lo à decoração;

  • O sofá deverá ser o ponto focal do ambiente? Ele poderá ser ou não o centro do mobiliário. Para chamar mais atenção, escolha um que tenha um desenho marcante, caso contrário, escolha um com design neutro;

  • Devo utilizar tapete na sala de jantar? Na sala de jantar, terá que ser tomado mais cuidado, porque os alimentos podem cair ou o tapete enroscar nos pés das cadeiras; para que este último caso não aconteça, opte por um modelo de tamanho maior (o suficiente para que as cadeiras, quando movimentadas, permaneçam sobre ele

  Dicas

  • Salas de Estar: para as salas de estar, os tapetes peludos são uma boa opção;

  • Os tapetes de fibras sintéticas são os mais resistentes. Muitos possuem tratamento contra ácaros, sendo assim, anti-alérgicos;

  • Em pisos neutros ou lisos, como o porcelanato, e madeiras com poucas veias, ficam bem os tapetes tipo oriental. Nos pisos muito trabalhados o ideal é colocar um tapete liso, sem desenhos.

  • Ao comprar, peça ao vendedor que estique o tapete no chão, pois o visual é bem diferente de qando está pendurado;

  • Formatos redondos: criam uma decoração dinâmica e podem ser usados para valorizar um ponto focal.

TAGS: Tapetes; Decoração;

Facebook Facebook Facebook
Las

É tendência!

10/02/2015

  A linha DecorTiles, marca da Eliane, pisos e revestimentos, está simplesmente maravilhosa. E é dentro desta linha que a designer Calu Fontes foi convidada para desenvolver uma coleção de azulejos chamada Patchwork.O Patchwork saiu das passarelas direto para os pisos e paredes. Uma mistura de cores, estilos, sensações que inspiram.

  Onde encontrar? 
  Na Sulpiso, fone 3432-3010
  Rod SC-444 - km-5 em Içara

 

TAGS: DecorTiles; Eliane; Sulpiso; Estilos; Cores;

Facebook Facebook Facebook
Las

juliane cardoso

Juliane Cardoso - Suelen Serafim

Projetos criativos ambientes planejados para refletir a alma de seus moradores. 

...

SulpisoKasar

Facebook

Bella PietraInatec
Gabriel ConstruçõesEleganzaVitrolAmbience DecorAmbience DecorAmor e CarinhoPonto das TintasPonto das tintasVidraçaria Decor GlassFibra SulMorro Estevão Plantas OrnamentaisMarquesa Home
Juliane Cardoso 2014 © Todos os direitos reservados